Vou iniciar este post desmistificando uma das questões principais de quem vai para Las Vegas. É possível ir de Las Vegas para o Grand Canyon de carro? Sim, é possível, mas você tem que entender que o Grand Canyon é gigante, mesmo. E não é só o tamanho dele que causa dúvidas. Além disso, a questão principal é onde ir. Pode parecer confuso, mas para quem está em Las Vegas, o ponto mais próximo é o West Grand Canyon. Ele fica localizado à aproximadamente 120 Milhas (200 KM) de Vegas e é onde está a famosa Grand Canyon Skywalk.

grand_canyon_westEm contrapartida o “Parque Nacional do Grand Canyon”, que é a parte mais famosa e também a mais procurada por ter as melhores vistas e os mirantes mais fantásticos, fica à aproximadamente 280 Milhas (450 KM) de Las Vegas. Esta é a parte do Grand Canyon South, e principal entrada para o Parque. Existe também a parte ao Norte, conhecida como Grand Canyon North Rim. Este fica à uma distância de 248 Milhas (400KM) de Las Vegas.

Em minha viagem de Las Vegas para o Grand Canyon, eu fui apenas para o West Grand Canyon, o mais próximo. Não planejamos e acabamos não reservando tempo suficiente para fazer uma viagem mais longa até a parte Norte ou Sul. Viajar para esses dois locais requer um pouco mais de planejamento. Considerando que você vá direto, só o percurso dirigindo (Ida e Volta) já dá mais de 9 Horas de estrada. Por isso é importante se programar para passar 2 dias (ou uma noite hospedado) por lá para poder aproveitar e recuperar o tempo “gasto” dirigindo. Digo “gasto” por que você com certeza irá parar em uma ou duas cidades no caminho que te levarão para um outro mundo antes de chegar ao Grand Canyon.

A viagem para o Grand Canyon West já começa fantástica com a vista que você tem da estrada assim que sai de Las Vegas. Você consegue ver ao fundo uma série de montanhas, muitas das quais já formam o Canyon e junto à paisagem de deserto você tem uma das mais fantásticas vistas antes mesmo de chegar ao local. Durante todo o percurso você também encontrará algumas placas e paradas especificas para fotos, com sinalização e em algumas algum fato interessante.

west_gc_road

Saindo de Las Vegas, a viagem costuma durar aproximadamente 2 Horas. Existem poucas opções de parada no caminho, portanto vá preparado para fazer a viagem direto.

Fomos durante a semana (Quarta-Feira) e encontramos o local relativamente calmo. Assim que você chega você deixa seu carro em um estacionamento já próximo à bilheteria. Este é o mesmo local onde os ônibus de turismo param. É neste local também que você compra ingressos para os passeios de Helicóptero pelo Grand Canyon. É um passeio que te leva por um voo panorâmico pelo West Grand Canyon, passando entre as montanhas, por cima do Rio e dependendo do pacote, alguns até param próximo à margem para uma foto. Vai depender apenas do preço e do pacote que você escolher.

O ingresso para o parque é vendido em duas modalidades (Legacy Package ou Gold Package – Respectivamente U$ 40.96 e U$ 75.54). Ambos dão acesso ao parque e ao transporte, a diferença é que o Gold Package também inclui uma refeição em um dos restaurantes e acesso à Skywalk.

Desse ponto em diante somente os veículos (ônibus) do parque são autorizados à seguirem. Já está incluso no ingresso e o ônibus te leva para quatro paradas. Em cada uma você desembarca e pode ficar o tempo que quiser.

Hualapai Village

A primeira parada é e uma vila cenográfica construída ao estilo faroeste. Diversos estabelecimentos estão ali presentes. A delegacia, e a prisão, o banco, o saloon, o serviço funerário e até uma mina abandonada.

west_gc_village

O Grand Canyon Resort Corporation pertence à uma tribo indígena chamada Hualapai. Esta tribo que ocupa esta região desde 1883 e criou este Resort Corporation para trazer alguns turistas e investimentos para a região. Com isso os ingressos passaram a ser cobrados, e eles administram os passeios e as atrações do local. Portanto, é comum cruzar com um, dois ou um grupo de índios no caminho, vendendo artesanato de fabricação própria, apresentando o local e as atrações ou mesmo apenas passando. A gift-shop e todo o parque é administrado por essa tribo.

Por esse motivo algumas das atrações irão lembrar realmente o estilo antigo que vemos muitos em filmes Western. Um pouco do que foi construído alí remonta aos antigos costumes e o modo de vida do vilarejo.

Assim que você sai dessa atração, o ônibus já te leva para a segunda parada onde já começa de fato a visita e vista do Grand Canyon, e é nesta parada também que você já em acesso à Skywalk (se você comprou o ingresso).

west_gc_high

A Skywalk foi construída em 2007 e é uma ponte feita de vidro, no formato de uma ferradura onde os visitantes podem andar além das bordas do Grand Canyon e sentirem que estão flutuando, com mais de 4000 pés (1200 metros) de altura acima do leito do rio, proporciona uma bela vista do local.

west)gc_skywalk
Skywalk ao fundo da imagem

Você não pode tirar foto da Skywalk. Na verdade, você pode tirar foto do horizonte, as fotos de cima da Skywalk são exclusivas dos parque, e eles cobram para revelar sua foto em cima do vidro.

A terceira e a quarta parada vão te levando cada vez mais para cima no Grand Canyon, e proporcionando acesso à outras atrações locais (promovidas pelos indígenas) além de novos pontos de observação. é possível ver a outra parte do rio que cruza o Canyon, bem como uma visão mais interna das montanhas e na ultima parada, que é o ponto mais alto do Grand Canyon West, você ainda encontra o Guano Point. Uma antiga mina abandonada de Guano, que era utilizada há muito tempo atras.

west_gc_guano

Em 1930 foi descoberto uma caverna cheia de Guano, um material proveniente das fezes de morcego, mas muito bom para ser utilizado como fertilizante. Com isso, iniciou-se a construção de um elevador para ter acesso à caverna e poder recolher este material. Hoje ele está desativado e totalmente abandonado no local. Mas aberto à visitação e também tem uma ótima vista do rio.

Cada parada tem seu próprio restaurante e também área para comer. Você pode levar seu próprio lanche ou comprar no local.

Um detalhe a respeito dos ônibus é que eles são “circulares” entre todas as paradas. Ou seja, se você pegar o ônibus no inicio e não descer em nenhuma parada, ele irá obrigatoriamente passar na primeira, segunda, terceira e quarta paradas, para então voltar ao ponto de partida. Os ônibus vão te levar sempre para a próxima parada, a não ser na ultima, onde ele retorna direto para o começo.

Depois de todas as paradas, o ônibus te deixa dentro da Gift Shop, onde você pode comprar um souvenir do parque, lembrancinhas etc. A gift-shop é também onde você compra seu ingresso para entrar no parque, portanto seu passeio vai começar e terminar na “lojinha” do Grand Canyon.

Resumo

Ir ao Grand Canyon West é uma experiência única e vale cada minuto da vagem. Seja pela vista fantástica que você tem já na estrada e posteriormente no parque ou pela lembrança que esse passeio irá deixar.

Ir de carro ou de ônibus é uma escolha sua para o local. O estacionamento é enorme e provavelmente você não terá dificuldades para parar o carro. Em contrapartida, alguns hotéis em Las Vegas oferecem passeios e pacotes com tudo incluso para o Grand Canyon. Desde o café da manhã, com uma parada para almoço e um lanche no parque.

Não importa como você vai, o que vale a pena é reservar um dia de sua viagem de Las Vegas, ou de qualquer outro ponto, para conhecer essa fantástica obra da natureza, que provavelmente irá deixar uma ótima impressão em você, pela sua beleza e magnitude.

Anúncios