Colonia del Sacramento, no Uruguai, é uma dessas cidadezinhas com estilo colonial que foram se preservando no tempo e que hoje são verdadeiras atrações turísticas. Não por menos se tornou Patrimônio da Unesco e muitas vezes chamada de Paraty do Uruguai.

Você deve estar se perguntando o por que dessa comparação. E é unica e exclusivamente pelo fato de ela ter sido, assim como a “nossa” Paraty, uma colônia portuguesa lá nos idos de muito tempo atrás. E não é difícil de se encontrar casas que seguem o mesmo estilo e a mesma arquitetura das que encontramos em nosso litoral. Mas as semelhanças param por ai.

Vai viajar pela América do Sul? Faça o Seguro Viagem com nosso parceiro, com desconto, e válido para toda a região, não apenas um país. Veja na Real Seguros.

Ida

Aproveitamos uma viagem à Buenos Aires para fazer um bate-volta em Colônia, no Uruguai. Por mais estranho que possa parecer, é mais perto ir à Colonia saindo da Argentina (Buenos Aires) do que de Montevidéu ou de certas partes do Uruguai, por exemplo. Por ser uma região costeira, a proximidade que essa região tem da costa Argentina acaba sendo uma boa alternativa de passeio e uma escolha bem comum pra quem está em Buenos Aires com um tempinho de sobra.

uruguai-colonia_del_sacramento-mapa

De Montevidéu, por exemplo, a distância aproximada é de 185 Km. O que demora em torno de 2 Horas de Carro e 2h30m de ônibus. De Buenos Aires a travessia é feita de Balsa e não demora mais do que 1 hora.

Como estávamos na Argentina. Fizemos a travessia de Balsa. Se quiser mais detalhes, veja o post que fizemos: Como ir de Buenos Aires à Colonia no Uruguai. Contamos sobre a travessia, as diversas opções e também sobre nossa experiência com a Buquebus.

A Cidade

Se a nossa Paraty está à beira-mar, Colonia del Sacramento está à “beira-rio”. Seu centro histórico cheio de ruazinhas estreitas, com casas ao estilo colonial, está localizada à beira do Rio da Prata (Rio de la Plata). Não é difícil de observar pequenas marinas por lá com veleiros espalhados.

uruguai-colonia_del_sacramento-rio

Além disso, apesar de ter sido uma colônia Portuguesa, pouco se observa da arquitetura deles. É muito mais comum se deparar com arquitetura Espanhola por lá. Poucas ruas ainda possuem casas com estilo português. A unica predominância nas ruas são as famosas pedras “pé-de-moleque”

Uma das ruas mais famosas é a Calle de los Suspiros, que ainda hoje mantém sua arquitetura Portuguesa e suas ruas como eram naquela época.

uruguai-colonia_del_sacramento-cale_suspiros

Próximo dali, ainda temos o Farol de Colonia del Sacramento. É aberto ao público, mas em algumas horas específicas durante o dia. É necessário ver os cartazes afixados à ele para saber o horário.

uruguai-colonia_del_sacramento-farol

O que não falta em Colonia são carros antigos que hoje formam a paisagem do local e são uma atração à parte na região. O desafio é achar todos. O da foto abaixo parece combinar com as arvores e arquitetura à sua volta.

uruguai-colonia_del_sacramento-carro

E não é difícil de encontrar outros tantos “caracterizados”. Se você der sorte, conseguirá almoçar ou mesmo tomar um café dentro de um carro, é meio apertado mas vale a pena a tentativa se não tiver pernas compridas. 😉

uruguai-colonia_del_sacramento-carro_mesa

Não podemos esquecer de falar do artesanato, pois esse é um dos atrativos e também o que movimenta a economia do centro histórico de Colonia. Por todas as ruas, vielas e “paseos” você encontra casas que são um verdadeiro paraíso para quem gosta de lembrancinhas e de objetos da cultura local.

Sem contar os diversos museus espalhados pela região. No centro histórico você encontra: Museo del Azulejo, Museo Municipal, Museo Portugues e  também o Farol, que tem um pequeno acervo. O bom é que um ingresso permite a entrada em todos os museus da região. Quando fomos o Museo do Humor estava fechado, não por causa do dia, mas sem previsão de reabertura. 😦

uruguai-colonia_del_sacramento-plaza_de_armas

A foto acima é da Plaza de Armas, que já fica próximo à Basilica del Santissimo Sacramento e na região dos restaurantes. Pra dizer bem a verdade, todas as ruas possuem restaurantes, cafeterias e locais para se fazer uma pausa e “aquecer o estômago”, mas nessa região é onde está a maior concentração.

O que Fazer em Colonia

Eu resumiria colônia em: Chegar no meio da manhã, conhecer o centro histórico, passar por lojas de artesanatos (todas se der tempo) – o atrativo aqui não são os objetos em si, a maioria vende produtos “iguais”, claro que cada uma tem sua particularidade, mas a arquitetura das casas por dentro é que chama à atenção – comer e ir embora.

É necessário pernoitar em Colonia? Necessário não é. Se você tiver tempo de sobra pode passar uma noite, mas não terá muito o que fazer. Existem pousadas e hotéis por toda a região, mas você consegue desbravar a cidade em apenas um dia. Por esse motivo é um destino bastante procurado por quem está em Buenos Aires, pois é perto e o “bate-volta” permite que você aproveite bastante.

Onde comer?

Comida e restaurantes é o que não falta em Colonia. Cada rua apresenta suas surpresas, e as vezes você encontrará um restaurantezinho escondido em um lugar bem calmo e onde você menos espera.

Para um café, eu recomendo o Churana. Não tem site, e a minha sugestão é pela decoração, e pela vista. Em frente ao Rio da Prata, eles servem em mesinhas espalhadas por todo o quintal. Além das mesas você ainda encontra poltronas, espreguiçadeiras e pufes espalhados por lá, onde pode tomar um café ou chá vendo o rio e suas embarcações. Vale realmente a pena

Para o almoço, você vai encontrar muitas opções, inclusive famosos e gigantes restaurantes espalhados pela cidade. Mas esses não terão aquela sensação de “comida local” ou de restaurante típico. Nossa escolha foi pelo simples Viejo Barrio, que fica em frente à Basilica del Santissimo Sacramento. Uma dica? Coma o prato típico deles, o Chivito. Existem outras opções pela região que servem Chivito no Pão. Preciso voltar lá para experimentar.

uruguai-colonia_del_sacramento-chivito

Feirinha de Artesanato

Mais artesanato? Sim. Eu falei que a economia dos habitantes de lá girava em torno disso. Mas aqui a dica é um pouco diferente. Um pouco mais afastado do Centro Histórico de Colonia, existe um espaço reservado para a feirinha de artesanato da cidade.

uruguai-colonia_del_sacramento-feira_de_artesanato

Já fica na região mais central da cidade, onde está a grande maioria do comércio local. Não fica assim tão longe do Centro Histórico. É uma caminhada de no máximo 10 minutos. Veja no Mapa a localização dela.

Ali você encontrará uma grande variedade de barracas, com todo tipo de produtos locais. Esculturas, imãs de geladeira, roupas e uma série de outras opções para gastar seu dinheiro por lá.

Está aberta todos os dias, das 11:00 às 18:00. Mas durante a semana, algumas das barracas podem estar fechadas.

Resumo

Colonia é um lugar bem organizado, bonito e que vale a visita com certeza. Um lugar calmo, com uma bela paisagem e ruas e casas que raramente você irá encontrar em outras partes desse mundão.

Fomos visitar em uma Quinta-Feira, para não pegar a agitação do final de semana, e encontramos uma cidade vazia, tranquila e em muitos lugares “só para nós”. Por ser um ponto bem turístico, aos finais de semana (incluindo Sexta-Feira) já começa a ficar mais concorrida e lotada. Se tiver disponibilidade e flexibilidade, dê preferência aos dias da semana.

Se isso aqui não te convenceu, vou deixar mais algumas fotos aqui e ver se você muda de ideia. 😉

uruguai-colonia_del_sacramento-calle_rio

Bom, não quero acabar com todas as surpresas, só mais uma e chega. Nos conte como foi sua visita por lá.

uruguai-colonia_del_sacramento-calle

Uma ultima dica. Quando você chega ao porto, verá uma enorme oferta para a locação de carrinhos de golfe. Eu não recomendo alugá-los. Principalmente por que tudo é perto do porto e o centro histórico não permite passar com esse tipo de veículo em determinadas ruas. Além disso, o mais barato por lá gira em torno de U$ 50.00. Cinquenta Dólares. Isso mesmo.

Só vale a pena se você for se arriscar pelos lados da famosa Plaza de Toros. É um ponto turístico bem imponente em Colonia del Sacramento, que era utilizado para as touradas da cidade e hoje está fechado pois parece que o esporte não agradou muito aos Uruguaios. Por sua falta de preservação, está fechada ao público. Você só pode tirar fotos por fora e não tem muito mais o que fazer pela região. É um bate-volta bem longe do centro histórico.

Anúncios